Entrada
 

Novidades do site

A Escola em fotos

Galeria de imagens

   

A não perder:

A actualizar

O ENTRUDO DA NOSSA VIDA - I

 

Eu tinha na minha mente, quando imaginei este texto, dedicar ao nosso Primeiro Ministro, à sua equipa e a uns quantos de Putas, desculpem, o cursor não funciona, Deputados da Nação, um texto de Bertold Brecht, mas o raio da minha biblioteca está um caos e não encontrei o livro que pretendia. Antes que a ideia se me varra da memória vou continuar o que aqui me trouxe, várias coisas, embora só fale de algumas e para substituir aquele poeta serve-me muitíssimo bem este outro, de nome Manuel António Pina que em 2011 ganhou aquela coisa “insignificante” chamada Prémio Camões… (o que aconteceu às crónicas do Pina, no Jornal de Notícias, alguém me sabe dizer?...que já só leio metade do pasquim e dessa metade a outra metade é sem os óculos…e sem óculos não leio nada…) e na “Carta a Mário Cesariny no dia da sua morte” começa com estes quatro versos: “Hoje soube-se uma coisa extraordinária, / que morreste, talvez já to tenham dito, / embora o caso verdadeiramente não / te diga respeito, e seja assunto nosso, vivo.” (in  “Como se desenha uma casa” -2011)

Continuar...
 
Pedantes e quejandos, tretas e tagarelas, idiotas q.b.
SOPAS DA MATANÇA

Há uns bons anos que recolho vocábulos mais ou menos locais para os juntar organizadamente em algo que seja assim como um "dicionário", nada de rigoroso, nada de científico, que nestas coisas da linguística, quem sou eu... vou misturando umas palavras como posso, longe das ribaltas, sem ambições de espécie alguma, como diria o meu (cada vez mais) saudoso professor de escola primária, discordâncias (tantas vezes concordantes) à parte, para saber escrever só é preciso saber pensar e não dar erros ortográficos. A gramática lá chegará a seu tempo.
Continuar...
 

PENSAR PORTUGAL

 

Para quem me conheça, sobretudo no que ao Futebol diz respeito, sabe que não sou pessoa para perder muito tempo com estas coisas. Mas há dias e dias! Sendo Benfiquista de infância, que é como quem diz, tendo alinhado por um clube quando a idade era apenas bondade e o Eusébio a estrela, convenhamos, não tinha muito por onde escolher. Mas nunca escolhi a modalidade como referência.

Continuar...
 

Caras e Caros contribuintes das minhas palavras….

 

A PRAÇA PÚBLICA SÓ É DEMOCRÁTICA

QUANDO OS DEMOCRATAS A FREQUENTAM!

 

Pois, por que razão não havemos de dizer que somos contribuintes de tudo e de mais alguma coisa, se já não existe nada que não se pague?!

(Pausa para o pensamento…)

Exactamente. Não pagamos os nossos pensamentos e os nossos sonhos… isso era o que vocês (detesto esta palavra, que nos meus tempos de escola primária me foi indicada como um insulto aos mais velhos… e é… prefiro senhores…) dirão de imediato. Mas vamos por partes.

Então, exactamente, o que é que os senhores pensam? Que não pagamos os pensamentos e os sonhos?! Que não pagamos a memórias e as ideias… e as opiniões e o resto que nos vai na “alma”?!

Continuar...
 

ALFÂNDEGA DA FÉ VAI DESAPARECER DO MAPA...

 

SE NÃO FIZERMOS NADA

 

PARA EVITAR QUE ISSO ACONTEÇA!

 

Não há Governo que nos valha, não há "influências" políticas que nos salvem, se continuarmos todos a fazer de conta que nada vai acontecer, ou que alguém se há-de preocupar com o nosso problema!

Continuar...
 

Manuel Vicente Faria

 

O animador cultural

que marcou o século XX

em Alfândega da Fé

 

PARTE III

 

Termino hoje o apontamento sobre o Dr. Manuel Vicente Faria, editando as letras das músicas que ele escreveu e musicou.

Uma vez que as melodias estão gravadas, numa próxima oportunidade (quando arranjar alguém que me faça esse trabalho…) acrescentarei os dados musicais que permitirão que este património não se perca.

Continuar...
 
«InícioAnterior12345SeguinteFinal»

Pág. 4 de 5
Copyright © 2019 Resistir no Nordeste. Todos os direitos reservados.
Joomla! é um Software Livre sob licença GNU/GPL.
 

Mensagens

 

ENTRUDO

2017

 

28 DE FEVEREIRO

ALFÂNDEGA DA FÉ

As fotos do Site

escolas2009...
Image Detail

Visitas desde 2005

Visualizações de conteúdos : 657202
Barragem do Baixo Sabor: o que pode melhorar?